Frases de Músicas Nacionais - Relembre os sucessos

Independente do gênero, as músicas nacionais marcam a todos com alguma frase especial. Desde o samba até o rock são muitas letras que carregam lindas frases que podem ser até recitadas em forma de poesia. As músicas nacionais não marcam o coração apenas dos brasileiros, sendo reconhecidas internacionalmente.

Nesse artigo separamos vinte frases de músicas nacionais para você relembrar os sucessos que ficaram marcados no seu coração.

  1. “O importante é ser você, mesmo que seja estranho. Seja você, mesmo que seja bizarro.” Pitty
  2. “A minha alma tá armada e apontada para a cara do sossego.” O Rappa
  3. “Um belo dia resolvi mudar. E fazer tudo o que eu queria fazer.” Rita Lee
  4. “É que um carinho às vezes cai bem.” Caetano Veloso
  5. “Minha força vem de um Deus que faz milagres. Minha fé está além do impossível.” Fernanda Brum
  6. “Viver é não ter a vergonha de feliz!” Gonzaguinha
  7. “Viver é melhor que sonhar!” Elis Regina
  8. “As pessoas ao redor nunca me entendem.” Charlie Brown Jr
  9. “Sabe, quando a felicidade invade. Quando pensa na imagem da pessoa.” Nando Reis
  10. “Eu quero a sorte de um amor tranquilo, com sabor de fruta mordida.” Cazuza
  11. “Reza a lenda que a gente nasceu para ser feliz.” Engenheiros do Hawaii
  12. “A confiança é uma mulher ingrata. Que te beija e te abraça. Te rouba e te mata.” Racionais
  13. “Se não desse errado não seria eu.” Clarice Falcão
  14. “E não diga que a batalha está perdida se é de batalhas que se vive a vida.” Raul Seixas
  15. “Mesmo o amor que não compensa é melhor que a solidão.” Vinicius de Moraes
  16. “Quem me vê sorrindo, pensa que eu estou alegre.” Cartola
  17. “E pela minha lei, a gente era obrigado a ser feliz.” Chico Buarque
  18. “O amor é fogo que arde sem se ver, é ferida que dói e não se sente, é um contentamento descontente, é dor que desatina sem doer.” Renato Russo
  19. “Voltar quase sempre é partir para um outro lugar.” Paulinho da Viola
  20. “Tu pisava nos astros distraída, sem saber que a ventura dessa vida é a cabrocha, o luar e o violão.” Orestes Barbosa